Entenda o seu Caso Jurídico

Artigos


Cheque emprestado e as dores de cabeça do emitente.

Entenda o caso: emitente empresta cheque a terceiro. Terceiro não honra com suas obrigações, com isso, o emitente sofre as sequelas: protesto e execução de título executivo. Pelo exposto, fora proposta demanda judicial e, ao final, procedente os pedidos indenizatórios por perdas do emitente contra o terceiro, visto a quebra de confiança entabulada entre as partes. Dessa forma, a Quarta Turma Cível do TJ/DF: APELAÇÃO CÍVEL - AÇÃO DE COBRANÇA - INDENIZAÇÃO POR DANOS MORAIS - CHEQUE EMPRESTADO - PROTESTO - DANO MORAL - OCORRÊNCIA.1. Tendo a parte ré dado causa ao protesto, bem como ao ajuiz...

Cheque / Compras / Vendas / Contratos / Outro

6 exemplos de Vendas Casadas que você já pode ter sido vítima!

Infelizmente a Venda Casada é uma prática comum que vem lesando os consumidores diante dos fornecedores há algum tempo. Esse instituto é caracterizado quando o consumidor objetiva a compra de um produto ou a contratação de um serviço e acaba sendo induzido (muitas vezes obrigado) a levar outro bem indesejável no “pacote”.   Essa atividade prejudica muitas pessoas por conta da inexperiência e da ausência de informação sobre os direitos consumeristas. O art. 39 do Código de Defesa do Consumidor (CDC) cita algumas abusividades praticadas pelos fornecedores e a Venda Casada é trazida no incis...

Acidentes de Consumo Cartão de Crédito / Compras / Vendas /

Flavio Nierere
03/09/2016

Comprou imóvel na planta? Está pagando Taxa de Evolução de Obra? A taxa é abusiva?

1. O que é a Taxa de Evolução de Obra?A denominada “ Taxa de evolução da Obra” na verdade é composta pelos juros cobrados pelos Bancos das Construtoras. São decorrentes do empréstimo que a construtora faz com o banco para financiar o empreendimento, e com o tempo, indevidamente, repassa ao comprador de boa-fé. 2. A cobrança da Taxa de Evolução de Obra é legal? Consideramos ilegal e abusiva a cobrança da taxa de evolução de obra, antes e após a entrega das chaves, basicamente pelas seguintes razões:• Comumente no momento da compra o consumidor não é informado sobre a a cobrança da referida ...

Cobrança Indevida / Abusiva / Compras / Vendas / Contratos / Financiamento Imóvel /