A realidade tributária brasileira é notoriamente complexa, sendo um dos componentes do chamado “custo Brasil”. 

No Brasil existem diversos tributos exigidos das pessoas físicas e jurídicas, além de muitas obrigações acessórias decorrentes dos tributos, os quais devem estar sempre em dia para não se ter problemas com o Fisco.

Com o excesso de tributos e obrigações exigidos dos contribuintes é difícil manter os pagamentos destes tributos em dia, o que em alguns casos, chega inclusive a inviabilizar a continuidade das atividades de certas empresas que não conseguem saldar as elevadas dividas com o Fisco, nem mesmo por incentivos gerados pelo Fisco.

A grande quantidade de normas que regem o atual sistema tributário, muitas vezes complexas para a maioria dos contribuintes, dificultam e muito, as rotinas das empresas, podendo acarretar no recolhimento dos tributos de forma equivocada ou incorreta, gerando enormes prejuízos para uma empresa.

Portanto, a adoção de uma metodologia de trabalho, de forma regular e planejada, pelo menos dará condições á empresa de buscar nas pessoas envolvidas o melhor de seus conhecimentos e percepções, para enfrentarem o “dilúvio tributário” a que estão sujeitas diariamente. 

Neste sentido, o  planejamento tributário tornou-se uma questão de sobrevivência empresarial, haja vista os altos encargos tributários sofridos por parte dos contribuintes, ainda mais em se tratando de pessoas jurídicas.

A adoção de um planejamento tributário que indique os melhores caminhos para a empresa, poderá economizar e gerar maiores lucros a empresa.

Caso necessitem de maiores esclarecimentos, sobre este ou demais assuntos jurídicos, estarei apto a te auxiliar.